Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

Vicios

são noites mulatas

manhãs madrastas

que esperam por mim

são copos e cartões

linhas e pilões

que me deixam assim

feliz ao acaso e quando quiser 

procuro um homem, quiçá uma mulher

e enquanto a escuridão impera fico

que o sol acaba comigo

foi a viagem que iniciei

mas como tudo na vida

há meta depois da partida

ainda que esteja perdida

é lá que chegarei.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Podenga 03.04.2019

    O mais difícil de perceber é que aquelas pessoas não são nossas amigas.
    Sim, porque sempre estive lá pelas pessoas antes de estar pelas drogas.
    Felizmente acho que foi isso que me fez travar.
    Faltam as pessoas, faltam os estímulos.
    Obrigada beijinhos
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.