Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

Traição

Já alguma vez sentiste uma dor tão forte no peito que mais te apetecia cortá-lo ao meio, do que senti-la? Já alguma vez sentiste um murro no estômago de ver o que não querias e ao (...)

Quando te vi

Quando te vi  pensei para mim  que eras gay de certeza mas assim que sentámos hesitei com a forma que me olhaste tirei a ideia da cabeça.   Quando te vi corri para não te fazer esperar

Agora não quero (poema)

É fácil ler e não responder A uma mensagem que já se interpretou E nem sequer se questionou Porque não se quer ter trabalho   É fácil dizer tenho saudades Numa mensagem curta, mas sabes De (...)