Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

A Podenga Portuguesa

14
Jul16

Diva Depressiva

"Há dias melhores outros piores"

 

Mas esta semana para mim está a ser especialmente má.

Hoje quando sai de casa vi um novo gato bebe que apareceu lá no bairro.

Aquilo é só gatas a parir não percebo.

 

O sistema está todo errado e não consigo pensar correctamente de tanta frustração que carrego dentro de mim.

 

Se o controlo de animais é uma questão de saúde publica, porque não existe um sistema publico de esterilização?

Porquê?Porquê?

Eu não posso ter de trabalhar para pagar a porra das facturas ao final do mês e ainda ter tempo para andar a procura da colónia de gatas que são precisas esterilizar.

 

Não há pessoas desempregadas? 

 

Eu já nem digo que esterilizem de graça. Mas pelo menos planos de sensibilização/educação.

Aquelas pessoas que (e graças a deus) cuidam e dão comida a estes gatinhos de rua são os únicos que podem ajudar no controlo de nascimentos de gatinhos.

São os únicos em quais os animais confiam.

Mas eles não sabem...eles pensam que é a lei natural, que coitadinhos vão ser operados....

 

Não tenho conta para os gatos que existem naquele bairro tão pequeno.

Estou especialmente cansada de não ver nenhuma politica (social) realmente focada em controlar a população de felinos e caninos pelas ruas.

 

Não há veterinários para estagiar?

 

Não podemos usar os canis municipais para alguma coisa relevante a longo prazo ao invés de fechar animais em jaulas?

 

Estou esgotada.

Respira.

 

1 comentário

Comentar post