Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Podenga Portuguesa

Mulher dramática, pensativa, inquieta, feliz e infeliz. Que carrega o peso do mundo nas costas. Que é filha da mãe natureza. Acredita no amor, na empatia, na verdade, na hipótese.

A Podenga Portuguesa

09
Jun17

Como reagir quando ele volta e te quer de novo

A propósito do meu ex-lover que voltou a rondar-me tenho tentado não pensar muito nisso e manter-me focada noutras coisas.

No entanto hoje, e bem ao estilo dele, enviou-me uma mensagem no Facebook com um evento que ele está a organizar em Lisboa e disse-me "Não queres passar lá?" ao que eu respondi "Não posso". 

 

Claro que podia. Mas não quero que seja assim, se for para ser.

Quero sentir-me única e especial e não ir a um evento onde ele vai ter 300 pessoas de volta dele e eu vou ser mais uma troll que vai la estar porque quer vê-lo tal como as outras que lá estão que possivelmente também se enrolaram com ele.

 

Nisto pus-me a pensar na importância de nos posicionarmos nestes momentos de negociação ou jogos como queiram chamar.

 

"Remember why you started"

Sei que tendemos a esquecer as coisas más e a lembrar apenas as coisas boas (então apaixonadas meu deus), mas é sempre bom fazer uma retrospectiva e relembrar o que sentiste quando ele te deixou para não deixares o deslumbramento tomar conta das tuas acções.

 

"Vende-te caro"

Este gajo, ao convidar-me para uma festa com mais de 300 pessoas o que me esta a dizer é "Tu vales 10" e eu ao não ir estou a mostrar-lhe "Não meu bem, eu valho 1000". Estão a perceber a ideia?

Estou a posicionar-me num local da árvore das patacas que ele terá de se esforçar bem mais para lá chegar.

Esforço que ele só fará se quiser de facto estar comigo.

É importante mostrarmos que sabemos o nosso valor e não ser só eles dizerem "Aparece, vem cá...." que lá vai a menina.

Se pusermos o esforço na balança, quem teve mais? NÓS. É justo? Não. Então se começamos logo assim, não é bom prefácio.

 

"Pior que ser é parecer"

Isto de ser um livro aberto e muito transparente às vezes é um pau de dois bicos. Não sou apologista de jogatanas de engate, mas neste caso não é bem disso que estamos a falar certo? Nestes casos o que estamos a fazer é dar uma oportunidade ao outro de fazer diferente.

ESTAMOS A DAR UMA OPORTUNIDADE!

E portanto com calma, ao primeiro vislumbre de interesse não podemos logo sair da toca e entregarmo-nos ao bandido.

 

Pior do que estar desesperada é parecer desesperada. Quando digo desesperada é no sentido da saudade, no sentido de todo o teu corpo querer ceder e ir correr para os braços da outra pessoa. É lutarmos contra os nossos próprios impulsos.

Ele não se pode aperceber que estás em esforço senão pode virar isso contra ti!

Coisas como....fingir que apareces nos locais que sabes que ele vai estar para parecer coincidência (como já me aconselharam para fazer) e depois chegar lá e ignorá-lo, não funciona!

 

Simplesmente lhe vais estar a dizer que tiveste todo um trabalho de análise e planeamento para fazeres aquele teatro todo e portanto ele significa algo para ti muito maior que se calhar ele pensava.

Sê assertiva e congruente com o que dizes. Se por acaso se encontrarem no mesmo local, fala com ele, mas não o trates como alguém importante.

Mostra-lhe que a crosta dura que tens à tua volta foi ele próprio que criou fazendo-te sofrer anteriormente, mas não lhe mostres que isso te fecta todos os dias da tua vida, mesmo que afecte.

E não te sintas mal por ter criado esse distanciamento e talvez colocares "tudo a perder", pois ele está a colher o que plantou.

Está na hora de chamarmos as coisas pelos nomes.

 

"É pela base que se constrói a casa"

Ou seja, há coisas que só ao inicio fazem sentido ocorrer, levar em consideração.

Uma casa constrói-se pela base não pelo tecto.

É como alguém que te deve dinheiro. Se alguém te deve dinheiro, a probabilidade de lhe emprestares mais é menor correcto? Porque já foste escaldada uma vez.

Aqui é igual. Isso do ficar à espera que ele mostre, dar-lhe tempo e outras balelas não funciona.

Ele já mostrou uma vez quais são as regras do jogo que ele gosta de jogar. Se as regras tiverem mudado e ele tiver percebido que tu vales a pena, então tem mais é que começar a fazer bem do inicio.

Se ele não te dá segurança para mais, não avances. Deixa-lhe pisar o caminho que ele proprio construir até ti.

Se ele não fizer nada para merecer, então não terá mais por onde andar.

Porque mais uma vez és tu que estás a investir nele? Não permitas isso acontecer de novo, não cedas.

Ele perdeu a tua confiança, ele tem de conquistá-la e não está a começar do ZERO, está a começar do -2.

Por isso os sinais iniciais são muito importantes para que tu consigas entender se o que ele pretende é mais do mesmo, se está disposta a fazer diferente.

 

 

Beijinhos!